CHÂTEAUNEUF-DU-PAPE CUVÉE VIEILLES VIGNES 2017

Domaine de Marcoux
CHÂTEAUNEUF-DU-PAPE CUVÉE VIEILLES VIGNES 2017
Em estoque
SKU
FRMXT1702
A família tem suas raízes na região desde 1344, mas foi em 1989 que o primeiro vinho do Domaine de Marcoux foi produzido. É o primeiro produtor da região a converter para a filosofia biodinâmica, já em 1990, e desde 1996 é comandado pelas irmãs Sophie e Catherine Armenier. A pequena propriedade tem cerca de 17 hectares de vinhedos nos mais variados solos locais, do clássico galet roulé, passando por um solo mais arenoso ao calcário e as vinhas tem em média mais de 50 anos, chegando a 120 anos no vinhedo Charbonnière. Com a filosofia minimalista de vinificação "hands-off" o foco é interferir o menos possível na incrível qualidade da fruta que o Domaine possui com a combinação dos melhores terroirs da região. O clássico Vieilles Vignes é um dos Chateauneauf-du-Pape mais procurados e celebrados. Um vinho de produção super limitada de cerca de 300 caixas por safra, produzido a partir de vinhas de 70-120 anos dos vinhedos de Charbonnières, no plateau de La Crau e do vinhedo Les Esqueirons. É um Grenache feito com mínima intervenção em tanques de cimento e amadurecido em foudres. Intenso, rico em aromas e sabores, picante e com uma fruta vermelha sensual, garriga, trufas e flores. É encorpado, profundo, mas com ótima expressão de fruta e equilíbrio de acidez. Está excelente agora na sua intensa juventude, mas com certeza irá evoluir nos próximos 15 anos. Não é a toa que Robert Parker afirma que o Vieilles Vignes é "possivelmente um dos grandes vinhos do mundo (os 1998 e 2000 por exemplo), senão o mais fenomenal vinho de Chateauneauf-du-Pape."
Tamanhos
Safra
R$1.850,00
R$1.850,00
Adc. à sacola
A família tem suas raízes na região desde 1344, mas foi em 1989 que o primeiro vinho do Domaine de Marcoux foi produzido. É o primeiro produtor da região a converter para a filosofia biodinâmica, já em 1990, e desde 1996 é comandado pelas irmãs Sophie e Catherine Armenier. A pequena propriedade tem cerca de 17 hectares de vinhedos nos mais variados solos locais, do clássico galet roulé, passando por um solo mais arenoso ao calcário e as vinhas tem em média mais de 50 anos, chegando a 120 anos no vinhedo Charbonnière. Com a filosofia minimalista de vinificação "hands-off" o foco é interferir o menos possível na incrível qualidade da fruta que o Domaine possui com a combinação dos melhores terroirs da região. O clássico Vieilles Vignes é um dos Chateauneauf-du-Pape mais procurados e celebrados. Um vinho de produção super limitada de cerca de 300 caixas por safra, produzido a partir de vinhas de 70-120 anos dos vinhedos de Charbonnières, no plateau de La Crau e do vinhedo Les Esqueirons. É um Grenache feito com mínima intervenção em tanques de cimento e amadurecido em foudres. Intenso, rico em aromas e sabores, picante e com uma fruta vermelha sensual, garriga, trufas e flores. É encorpado, profundo, mas com ótima expressão de fruta e equilíbrio de acidez. Está excelente agora na sua intensa juventude, mas com certeza irá evoluir nos próximos 15 anos. Não é a toa que Robert Parker afirma que o Vieilles Vignes é "possivelmente um dos grandes vinhos do mundo (os 1998 e 2000 por exemplo), senão o mais fenomenal vinho de Chateauneauf-du-Pape."
Harmonização
Carnes grelhadas ou na brasa, incluindo cordeiro e pratos de cozimento lento e sabores intensos.
Aparece em
Ficha Técnica
França
Rhône
Região de origem
Domaine de Marcoux
Produtor
Concentração intensa e pura de frutas pretas e vermelhas maduras, pimenta preta e garriga. É concentrado e estruturado, mas com acidez que segura a densidade e refresca sua sensação quente. Impressiona pela elegância e equilíbrio com a intensidade que tem
Olfativo
Grenache
Grenache
Tipo da uva
16,13%
Teor Alcoólico
Digital Hub - Soluções inteligentes para e-commerce